coronavirus-tratamento copyA Comissão Europeia assinou ontem um contrato com a empresa farmacêutica Gilead a fim de garantir doses terapêuticas de Veklury, a marca comercial do remdesivir. O Veklury foi o primeiro medicamento autorizado a nível da UE para tratar a COVID-19. A partir do próximo mês e a fim de suprir as necessidades imediatas, serão disponibilizados lotes de Veklury aos Estados-Membros, sob a coordenação e com o apoio da Comissão.

 

O Instrumento de Apoio de EmergênciaVer esta ligação noutra línguaEN••• da Comissão financiará o contrato num montante total de 63 milhões de euros. Está assim garantido o tratamento de aproximadamente 30 000 doentes que apresentem sintomas graves de COVID-19.

Isto contribuirá para cobrir as necessidades atuais nos próximos meses e assegurar simultaneamente uma distribuição equitativa a nível da UE, com base numa chave de repartição, tendo em conta o parecer do Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças.

A Comissão está também a preparar um procedimento de contratação pública conjunta para novos fornecimentos do medicamento, que deverá cobrir necessidades e fornecimentos adicionais a partir de outubro.

Ligações úteis:

Para mais informações:

https://ec.europa.eu/portugal/news/european-commission-ensures-eu-access-remievir_pt

Share