Comissão EuropeiaFazer as coisas à maneira europeia

Em 16 de julho de 2019, o Parlamento Europeu votou favoravelmente o nome de Ursula von der Leyen para futura Presidente da Comissão Europeia. Trata-se da primeira mulher a ser indigitada para o cargo de Presidente da Comissão Europeia. 

Europeia convicta, Ursula von der Leyen declarou que se concentrará numa agenda ambiciosa em matéria de ação climática para fazer da Europa o primeiro continente com um impacto neutro no clima até 2050. Comprometeu-se também a colaborar estreitamente com o Parlamento Europeu para reforçar a democracia e viabilizar uma economia social de mercado equitativa na Europa. Além disso, expôs a sua visão pessoal daquela que deve ser a trajetória da Europa num contexto de desafios mundiais: «É algo que temos de fazer à maneira europeia». 

Ursula von der Leyen selecionou uma equipa de comissários com base nos candidatos sugeridos pelos Chefes de Estado e de Governo. O novo Colégio de Comissários e os novos princípios que regem os principais métodos de trabalho refletem as prioridades definidas no seu discurso e orientações políticas.

O Parlamento Europeu tem de aprovar a nova Comissão Europeia no seu conjunto, antes de esta poder tomar posse.

Nascida em Bruxelas em 1958, Ursula von der Leyen é médica e foi membro do Governo alemão entre 2005 e 2019.

Consulte aqui as orientações políticas para a próxima Comissão Europeia (2019-2024)

https://ec.europa.eu/commission/sites/beta-political/files/political-guidelines-next-commission_pt.pdf

Share